Maria-catarinense – (Hemitriccus kaempferi)

Maria-catarinense

A maria-catarinense Hemitriccus kaempferi é uma ave da família Rhynchocyclidae. Espécie endêmica do Brasil. Ocorre nos estados do Paraná e Santa Catarina. Ameaçado de extinção

Maria-catarinense {field 33}
  • Nome popular: Maria-catarinense
  • Nome inglês: Kaempfer’s Tody-Tyrant
  • Nome científico: Hemitriccus kaempferi
  • Família: Rhynchocyclidae
  • Sub-família: Todirostrinae
  • Habitat: Endêmica do Brasil, ocorre nas matas de baixada do sul do Paraná e de Santa Catarina.
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de insetos e outros invertebrados como besouros, borboletas e formigas. Para caçar alimento, realiza voos rápidos e certeiros, capturando a presa mesmo no meio de folhagens.
  • Reprodução: Reproduz-se…
  • Estado de conservação:

    Em Perigo

Maria-catarinense {field 20}

Características:

Mede em média 10 centímetros de comprimento. É caracterizada por possuir contornos arredondados pelo corpo graças a sua densa plumagem. A região das costas é verde olivácea brilhante, exceto as asas, que são marrons com duas barras beges. Na face, a cor é marrom clara, tornando-se mais acastanhada em direção à garganta e o alto do peito. O restante da barriga é mais claro, num tom bege-amarelado.

Maria-catarinense {field 29}

Comentários:

Frequentam bordas de matas primárias e secundárias, capoeiras e florestas úmidas de baixada litorânea, tem sido continuamente degradado ou substituído por áreas urbanas ou por plantios desde o início da ocupação do litoral dos Estados do Paraná e de Santa Catarina. Além disso, a proximidade dessas florestas com as áreas já ocupadas em nosso litoral, aliada à facilidade de que se tem para a ocupação das florestas de terras baixas, principalmente pelo próprio relevo, a torna alvo fácil de ações antrópicas. Sem dúvida, este é o tipo de floresta que está mais ameaçado em todo o Bioma da Floresta Atlântica.

Maria-catarinense {field 32}

Consulta bibliográfica sobre a espécie:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • ITIS – Integrated Taxonomic Information System (2015); Smithsonian Institution; Washington, DC.
  • CLEMENTS, J. F., T. S. Schulenberg, M. J. Iliff, D. Roberson, T. A. Fredericks, B. L. Sullivan, and C. L.. The Clements checklist of Birds of the World: Version 6.9; Cornell: Cornell University Press, 2016.

Referências

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *