Pernilongo-de-costas-brancas – (Himantopus melanurus)

O pernilongo-de-costas-brancas Himantopus melanurus é uma ave da família Recurvirostridae. Está presente em todo o Brasil. Também ocorre no sul do Peru, Bolívia, Argentina, Paraguai, Chile e Uruguai.
Pernilongo-de-costas-brancas {field 5}
  • Nome popular: Pernilongo-de-costas-brancas
  • Nome inglês: White-backed Stilt
  • Nome científico: Himantopus melanurus
  • Família: Recurvirostridae
  • Habitat: Está presente em todo o Brasil. Também ocorrem no sul do Peru, Bolívia, Argentina, Paraguai, Chile e Uruguai.
  • Alimentação: Alimenta-se de insetos e pequenas presas , por vezes caminhando em águas profundas e varrendo de um lado para o outro a superfície da água com o bico semi-aberto.
  • Reprodução: Constrói o ninho em colônias. Deposita seus ovos em depressões de terrenos secos, chocando ovos de cor ocre, manchados de preto e castanho.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Pernilongo-de-costas-brancas {field 5}
Características:

Mede cerca de 38 cm de comprimento. O pernilongo recebe essa denominação popular pelas pernas longas e pelo bico afilado característico. Apesar do nome popular, as costas brancas nem sempre são uma boa característica diagnóstica, pois há muita variação entre indivíduos. Ave localmente migratória, o imaturo apresenta coloração semelhante à do adulto, mas com tons marrons nas partes escuras da plumagem. O adulto apresenta o píleo branco com uma faixa preta que vai do olho até a parte traseira da cabeça, enquanto o jovem apresenta o píleo preto. Fêmeas possuem coloração mais opaca tendendo ao marrom, assim como jovens. Machos possuem coloração preta.

Pernilongo-de-costas-brancas {field 5}
Comentários:

Habita lagoas, estuários, praias fluviais e marítimas, manguezais, arrozais e banhados

Pernilongo-de-costas-brancas {field 5}
Referências & Bibliografia:

Pernilongo-de-costas-negras – (Himantopus mexicanus)

O pernilongo-de-costas-negras Himantopus mexicanus é uma ave da família Recurvirostridae.Conhecido também como perna-de-pau e maçaricão.

Pernilongo-de-costas-negras {field 20}
  • Nome popular: Pernilongo-de-costas-negras
  • Nome inglês: Black-necked Stilt
  • Nome científico: Himantopus mexicanus
  • Família: Recurvirostridae
  • Habitat: Ocorre da Califórnia, Golfo do México ao leste, na Flórida e dali até ao sul do Peru, regiões Norte e Nordeste do Brasil e Ilhas Galápagos. As aves do norte são migratórias, viajando no inverno para as regiões sul dos Estados Unidos e do México, raramente indo até a Costa Rica.
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de insetos e pequenos crustáceos. geralmente caminha em águas profundas e varrendo de um lado para o outro a superfície d’água com o bico semiaberto á procura de alimento.
  • Reprodução: Reproduz-se sem construir propriamente um ninho, põe em geral 2 ovos diretamente no solo, em uma pequena cova.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Pernilongo-de-costas-negras {field 11}

Características:

Mede em média 38 cm de comprimento. Os adultos têm longas pernas rosa, um bico comprido e preto e uma extensa faixa branca que se estende na parte inferior do abdome, pescoço e parte da cabeça, que tem sua parte superior preta, assim como a nuca e costas. As pernas medem, sozinhas, cerca de 16 cm e, quando a ave voa, estas ficam dispostas longitudinalmente em relação ao corpo. Possui hábitos e comportamentos semelhantes aos do pernilongo-de-costas-brancasHimantopus melanurus, do qual difere pelas costas negras.

Pernilongo-de-costas-negras {field 25}

Comentários:

Frequenta mangues, lagos, estuários, regiões lacustres, pantanosas e alagadiças.

Pernilongo-de-costas-negras {field 25}

Consulta bibliográfica sobre a espécie:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • CLEMENTS, J. F.; The Clements Checklist of Birds of the World. Cornell: Cornell University Press, 2005.

Referências