Login

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 
O periquito-rei Eupsittula aurea é uma ave da família Psittacidae é uma das mais conhecidas e abundantes representantes da família em nosso País. Conhecido também como periquito-estrela, ararinha , jandaia-estrela, jandaia-coquinho e aratinga-estrela. Presente principalmente da margem sul do rio Amazonas até o Paraná. Ao norte do rio Amazonas ocorre apenas em algumas regiões, como Faro (no Pará) e no Amapá. Encontrado também desde as Guianas até o leste da Bolivia, extremo leste do Peru e norte da Argentina.
  • Nome popular: Periquito-rei
  • Nome inglês: Peach-fronted Parakeet
  • Nome científico: Eupsittula aurea
  • Família: Psittacidae
  • Habitat: Ocorre do Amazonas até o Paraná. Encontrado também desde as Guianas até o leste da Bolivia, extremo leste do Perú e norte da Argentina.
  • Alimentação: Geralmente come as sementes e não a polpa das frutas, porém gosta de comer polpa de caju. Procura por manguezais, jaboticabeiras, goiabeiras, laranjeiras e mamoeiros. Aprecia muito os mulungus
  • Reprodução: Constrói o ninho em troncos ocos de palmeiras ou de outras árvores, porém é comum reproduzir em buracos de rochas erodidas, ou até mesmo em barrancos ou cupinzeiros. Esses cupinzeiros geralmente tem forma circular e são encontrados em árvores do cerrado, entre 1,5 e 5,0 metros de altura. Cava um túnel vertical na parte inferior do cupinzeiro e abre uma câmara de postura em seu terço superior. A parte não escavada continua ocupada pelos cupins que selam as galerias expostas. A postura é de três ovos. Os filhotes são alimentados com frutos e sementes quebrados, regurgitados pelos pais.
  • Estado de conservação: Embora seja uma espécies bastante disputada por traficantes de vida silvestre a mesma não corre perigo de extinção, já que a população diminui em alguma regiões e aumenta em outras.
Foto – Edgard Thomas
periquiti-rei
Foto – Edgard Thomas
periquiti-rei
Características: Mede cerca de 27 centímetros e pesa 84 gramas. Cabeça verde com uma faixa dianteira cor de pêssego, face azulada, ventre verde-amarelado. Com a região ao redor dos olhos laranja nos adultos e cinzenta nos juvenis.
Comentários: É frequente em cativeiro e amplamente comercializada. Tem a cabeça verde com uma faixa dianteira cor de pêssego, face azulada, ventre verde-amarelado. Com a região ao redor dos olhos laranja nos adultos e cinzenta nos juvenis. Podemos encontrá-los em grande variedade de hábitats, especialmente no cerrado, mata secundária, campos de cultura, buritizais e até em manguezais, até 600 m. Em alguns lugares é considerada praga nas plantações. Vive em casal, que permanecem unidos por toda a vida. Desloca-se velozmente, às vezes intercalam-se entre séries de rápidas batidas um vôo de asas fechadas.
Foto – Afonso de Bragança
periquiti-rei
Foto – Afonso de Bragança
periquiti-rei
Referências Bibliográficas: WikiAves | Native Alimentos
Topo