Login

Avaliação do Usuário: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

O beija-flor-de-bochecha-azul Heliothryx auritus é uma ave da família Trochilidae. Também conhecido como beija-flor-fada. Ocorre nas Guianas, Venezuela, Bolívia e no Brasil.

Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
Foto – Afonso de Bragança - Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
Foto – Afonso de Bragança - Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
  • Nome popular: Beija-flor-de-bochecha-azul
  • Nome inglês: Black-eared Fairy
  • Nome científico: Heliothryx auritus
  • Família: Trochilidae
  • Habitat: Ocorre na Amazônia brasileira e do Pernambuco à Santa Catarina. Encontrado também das Guianas e Venezuela à Bolívia.
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente do néctar das flores mas também come insetos que caça em voo.
  • Reprodução: Constrói o ninho em formato de xícara, na ponta de ramos, a cerca de 3 m de altura. Põe 2 ovos brancos.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
Foto – Afonso de Bragança - Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
Foto – Afonso de Bragança - Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus

Características:

Mede entre 10 e 14 cm de comprimento e pesa entre 4 e 5,5 gramas. O macho possui um bico curto, reto, pontiagudo e preto. Cabeça, dorso, uropígio e supracaudais de coloração verde brilhante. Larga faixa sub-ocular preta e a garganta verde. Apresenta uma mancha azul-violeta brilhante nas laterais da cabeça. As asas apresentam as rêmiges escuras. O peito, ventre e crisso são brancos. A cauda apresenta as retrizes laterais brancas com pequena mancha preta na porção basal e dois pares de retrizes centrais pretas. A fêmea possui garganta branca e a cauda mais comprida do que a dos machos da espécie.

Possui três subespécies reconhecidas:
  • Heliothryx auritus auritus (J. F. Gmelin, 1788) – ocorre no sudeste da Colômbia, leste do Equador e no Nordeste da Venezuela, nas Guianas e no norte do Brasil ao norte do rio Amazonas;
  • Heliothryx auritus phainolaemus (Gould, 1855) – ocorre na região amazônica brasileira ao sul do Rio Amazonas nos estados do Pará e Maranhão;
  • Heliothryx auritus auriculatus (Nordmann, 1835) – ocorre do leste do Peru e região central da Bolívia até a região central da amazônia brasileira ao sul do Rio Amazonas até o estado do Mato Grosso e até o Rio Tapajós, e no leste do Brasil, do leste do estado da Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais e São Paulo, podendo ocasionalmente ser encontrado no estado de Santa Catarina.

Aves Brasil CBRO - 2015 (Piacentini et al. 2015); (Clements checklist, 2014).

Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
Foto – Afonso de Bragança - Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
Foto – Afonso de Bragança - Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus

Comentários:

Frequenta a copa de florestas altas, sendo menos frequente nas bordas. Geralmente permanece bem alto, descendo apenas em algumas ocasiões. Voa rapidamente de flor em flor. Vive normalmente solitário.

Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
Foto – Afonso de Bragança - Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
Foto – Afonso de Bragança - Beija-flor-de-bochecha-azul - Heliothryx auritus
Referências bibliográficas:
  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec - Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • Wikiaves - disponível em https://www.wikiaves.com.br/beija-flor-de-bochecha-azul Acesso em 08 Setembro de 2015.
Topo