Tauató-passarinho – (Hieraspiza superciliosa)

O tauató-passarinho Hieraspiza superciliosa é uma ave da família Accipitridae. Conhecido também como gavião-caçador-pequeno, gavião-miudinho, gavião-mirim, gavião-passarinho.

Tauató-passarinho {field 22}
  • Nome popular: Tauató-passarinho
  • Nome inglês: Tiny Hawk
  • Nome científico: Hieraspiza superciliosa
  • Família: Accipitridae
  • Sub-família: Accipitrininae
  • Habitat: Ocorre da América Central à Argentina. No Brasil, possui duas populações separadas, na Amazônia e na costa do Sul e Sudeste.
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de aves pequenas como beija-flores e saíras, mas também captura aves maiores como sabiás, surucuás, pica-paus e rolinhas, além de insetos, lagartos e roedores. Pode ficar à espreita de bandos mistos na floresta, onde pode capturar pequenas choquinhas e saíras em voos rápidos pelo sub-bosque.
  • Reprodução: Constrói o ninho com gravetos e galhos secos no alto de árvores e tem formato de plataforma. O casal junto e utiliza o mesmo ninho por vários anos. A postura é de 1 a 3 ovos e a incubação leva entre 30 e 35 dias. Neste período a fêmea incuba os ovos e cuida dos filhotes, ao passo que o macho fica responsável pelo fornecimento de presas à família.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Tauató-passarinho {field 25}

Características:

Mede em média entre 24 e 27 cm de comprimento, pesando o macho por volta de 75 gramas e a fêmea entre 115 e 134 gramas. Na cabeça apresenta plumagem de coloração marrom escuro que se estende até a nuca. Seu dorso é acinzentado. Cauda apresenta barrado com largas faixas cinzas, partes superiores cinza-ardósia e as partes inferiores são brancas ou pardacentas e apresentam fino barrado cinza. O bico curvo é curto com cera amarela. Os olhos são amarelos ou alaranjados e circundados por uma pele nua amarelada. Os tarsos são amarelos e seus pés apresentam longos dedos com garras pretas especializados em capturar aves, principalmente pequenas aves como os beija-flores. A fêmea é similar ao macho em aparência.

Apresenta duas subespécies reconhecidas:

  • Hieraspiza superciliosa superciliosa (Linnaeus, 1766) – ocorre a leste da Cordilheira dos Andes na Colômbia e Venezuela até as Guianas; no Equador, leste do Peru, Bolívia e também do leste do Brasil até o Paraguai e nordeste da Argentina na província de Misiones.
  • Hieraspiza superciliosa fontainieri (Bonaparte, 1853) – ocorre da Nicarágua até o oeste da Colômbia e do Equador;
Tauató-passarinho {field 16}

Comentários:

Frequenta o estrato médio de florestas primárias e secundárias, mas é observado sobrevoando clareiras e plantações. Tem comportamento solitário, mas os casais podem permanecer juntos durante o ano todo. Devido ao pequeno tamanho, hábitos estritamente florestais e comportamento tímido, evadindo-se rapidamente entre a vegetação.

Tauató-passarinho {field 19}

Consulta bibliográfica sobre a espécie:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Piacentini et al. (2015). Annotated checklist of the birds of Brazil by the Brazilian Ornithological Records Committee / Lista comentada das aves do Brasil pelo Comitê Brasileiro de Registros Ornitológicos. Revista Brasileira de Ornitologia, 23(2): 91–298.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • CLEMENTS, J. F., T. S. Schulenberg, M. J. Iliff, D. Roberson, T. A. Fredericks, B. L. Sullivan, and C. L.. The Clements checklist of Birds of the World: Version 6.9; Cornell: Cornell University Press, 2014.

Referências