Gavião-branco – (Pseudastur albicollis)

O gavião-branco Pseudastur albicollis é uma ave da famíliaAccipitridae. Conhecido também como gavião-pombo-da-Amazônia. É natural das Américas.

Gavião-branco {field 11}
  • Nome popular: Gavião-branco
  • Nome inglês: White Hawk
  • Nome científico: Pseudastur albicollis
  • Família: Accipitridae
  • Sub-família: Accipitrininae
  • Habitat: Ocorre do México, toda a América Central, Colômbia, Venezuela e as Guianas. No Brasil, na Amazônia até Mato Grosso e norte do Maranhão, estendendo-se ao sul até Goiás. Recentemente foi registrada sua ocorrência no estado do Piauí, sendo sua ocorrência mais ao leste do Brasil.
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de invertebrados, lagartos pequenos, pequenos mamíferos e anfíbios. Mas eventualmente também come pequenas aves.
  • Reprodução: Constrói o ninho com galhos secos, em forma de plataforma com diâmetro entre 50-90 cm, no alto de árvores. Geralmente põe um único ovo, com período de incubação de 34-36 dias, os filhotes já estão totalmente emplumados e apto ao voo em torno de 85 dias.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Gavião-branco {field 11}

Características:

Mede em média entre 43 a 56 cm de comprimento. É branco com dorso manchado de negro; asas largas negras, tendo nas coberteiras e terciárias a ponta branca; cauda curta negra de base e larga faixa terminal brancas; cera plúmbea, pernas amarelo-claras.

Possui quatro subespécies reconhecidas:

  • Pseudastur albicollis albicollis (Latham, 1790) – ocorre nas florestas úmidas das Guianas e na bacia amazônica; ocorre também na ilha de Trinidad no Caribe;
  • Pseudastur albicollis ghiesbreghti (Du Bus de Gisignies, 1845) – ocorre da floresta tropical do sul do México até a Guatemala e Belize;
  • Pseudastur albicollis costaricensis (W. L. Sclater, 1919) – ocorre de Honduras até o Panamá e o oeste da Colômbia;
  • Pseudastur albicollis williaminae (Meyer de Schauensee, 1950) – ocorre do noroeste da Colômbia até o extremo noroeste da Venezuela.
Gavião-branco {field 20}

Comentários:

Frequenta florestas densas e cerrado mais arbóreo, onde caça principalmente serpentes, geralmente em ambientes próximos a corpos d`agua, normalmente ele vive solitário, nas horas mais quentes da manhã pode sobrevoar a floresta.

Gavião-branco {field 25}

Consulta bibliográfica sobre a espécie:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • CLEMENTS, J. F.; The Clements Checklist of Birds of the World. Cornell: Cornell University Press, 2005.

Referências