Uru – (Odontophorus capueira)

O uru Odontophorus capueira é uma ave da família Odontophoridae. Ocorre no Brasil, Argentina e Paraguai.

Uru {field 21}
  • Nome popular: Uru
  • Nome inglês: Spot-winged Wood-Quail
  • Nome científico: Odontophorus capueira
  • Família: Odontophoridae
  • Habitat: Ocorre em toda a área leste do Brasil, do Nordeste ao Sul, além das áreas fronteiriças de Paraguai e Argentina.
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de frutos como o caruru, de palmiteiros, ou os pinhões de Araucaria angustifolia. Come também sementes, insetos e artrópodes.
  • Reprodução:Constrói o ninho no chão com entrada lateral e telhado de folhas mortas. Põe em média quatro ovos brancos. A fêmea incuba a ninhada, que eclode após cerca de dezoito dias, e ela também cria os filhotes sem ajuda.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Uru {field 21}

Características:

Mede em média 24 centímetros de comprimento e pesa aproximadamente 457 gramas o macho e 396 gramas a fêmea. Machos e fêmeas são semelhantes na aparência, mas a fêmea é um pouco menor. O pássaro tem uma coroa marrom-avermelhada com uma crista solta, salpicada de amarelo. O supercílio e a faixa do peito são canela avermelhadas. As partes superiores são marrom-acinzentadas, com vermiculações escuras e salpicadas, com as penas individuais no pescoço, manto, dorso e escapulários com listras brancas ao lado da haste. Os lados da cabeça, garganta e partes inferiores são cinza-ardósia. As pernas são cinza escuro, o bico é enegrecido, a íris marrom e a área nua ao redor dos olhos vermelha.

Possui duas subespécies reconhecidas:

  • Odontophorus capueira capueira (Spix, 1825) – ocorre da região tropical do leste do Brasil até o leste do Paraguai e no nordeste da Argentina;
  • Odontophorus capueira plumbeicollis (Cory, 1915) – ocorre na região tropical do Nordeste do Brasil, dos estados do Ceará até o estado de Alagoas.

Aves Brasil CBRO – 2015 (Piacentini et al. 2015); (Clements checklist, 2016).

Uru {field 20}

Comentários:

Frequenta clareiras, matas de araucária e matas subtropicais, na Mata Atlântica de encosta, em matas secundárias altas, matas de tabuleiro no Nordeste e em matas secas. A espécie habita áreas de florestas primárias ou em bom estado de conservação. Os urus-capoeiras tendem mover no chão durante o dia em pequenos grupos de seis a oito, mas às vezes até quinze. Quando perturbados, se movem à vegetação rasteira e raramente voam, especialmente quando o grupo inclui filhotes. Os pássaros às vezes congelam e se agacham.

Uru {field 11}

Consulta bibliográfica sobre a espécie:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • CLEMENTS, J. F.; The Clements Checklist of Birds of the World. Cornell: Cornell University Press, 2005.

Referências