Uirapuru-cigarra – (Machaeropterus pyrocephalus)

O uirapuru-cigarra Machaeropterus pyrocephalus é uma ave da família Pipridae. Ocorre no Brasil, Bolívia, Peru e Venezuela.

Uirapuru-cigarra {field 20}
  • Nome popular: Uirapuru-cigarra
  • Nome inglês: Fiery-capped Manakin
  • Nome científico: Machaeropterus pyrocephalus
  • Família: Pipridae
  • Sub-família: Piprinae
  • Habitat: Ocorre no Brasil, nos estados: Acre, Amapá, Amazonas, Goiás, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins. Encontrado também na Bolívia, Peru e Venezuela
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de pequenos frutos e insetos.
  • Reprodução: Reproduz-se construindo um ninho tem o formato de taça, é construído entre duas forquilhas a uma altura por volta de um metro do solo, utiliza raízes finas e musgo.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Uirapuru-cigarra {field 11}

Características:

Mede em média 10 cm de comprimento. Tem coloração predominantemente marrom com listras brancas, asas verde musgo, olhos vermelhos, chapéu amarelo onde raramente se observa uma linha vermelha que corta o centro da cabeça, loro e coberteiras auriculares verdes musgo, cauda parte superior verde musgo e inferiormente branca, pernas vermelhas pálidas e unhas brancas e bico negro.

Possui duas subespécies reconhecidas:

  • Machaeropterus pyrocephalus pyrocephalus – ocorre no L do Peru, N da Bolívia e na região Central da Amazônia no Brasil (AM, AC, PA, RO, MT, AP) e para o leste até GO e TO;
  • Machaeropterus pyrocephalus pallidiceps – ocorre no S da Venezuela e extremo N do Brasil (RR);
Uirapuru-cigarra {field 12}

Comentários:

Frequenta florestas subtropicais ou tropicais úmidas de baixa altitude. Estritamente florestal. Bem tímido em meio a floresta, sua vocalização é extremamente baixa quase imperceptível ao meio de cigarras e grilos, vive perto de nascentes, costuma defender o território quando outro macho está presente, nesse momento quando muda de um poleiro a outro as asas provocam estalos que denunciam sua presença.

Uirapuru-cigarra {field 12}

Consulta bibliográfica sobre a espécie:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • ITIS – Integrated Taxonomic Information System (2015); Smithsonian Institution; Washington, DC.
  • CLEMENTS, J. F., T. S. Schulenberg, M. J. Iliff, D. Roberson, T. A. Fredericks, B. L. Sullivan, and C. L.. The Clements checklist of Birds of the World: Version 6.9; Cornell: Cornell University Press, 2014.

Referências