Uirapuru-laranja – (Pipra fasciicauda)

O uirapuru-laranja Pipra fasciicauda é uma ave da família Pipridae. Ocorre no Brasil, Peru, Bolívia, Paraguai e Argentina.

Uirapuru-laranja {field 11}
  • Nome popular: Uirapuru-laranja
  • Nome inglês: Band-tailed Manakin
  • Nome científico: Pipra fasciicauda
  • Família: Pipridae
  • Sub-família: Piprinae
  • Habitat: Ocorre na margem sul do Rio Amazonas, desde as bacias dos rios Purus e Juruá até o Maranhão, estendendo-se em direção sul até o Paraná. Há ainda populações aparentemente isoladas no Ceará e Alagoas. Encontrado também no Peru, Bolívia, Paraguai e Argentina.
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de pequenos frutos e pequenos insetos.
  • Reprodução: Reproduz-se construindo um ninho em forma de tigela, feito com fibras vegetais, preso em forquilhas de arbustos a pouca altura. Põe em média 2 ovos por ninhada.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Uirapuru-laranja {field 23}

Características:

Mede em média 11 cm de comprimento e pesa entre 11,5 e 19 gramas. O macho é preto por cima, com coroa e nuca vermelho-vivas e faixa branco-amarelada na base da cauda; em algum branco na asa, visível em voo. Amarelo-vivo por baixo, peito tingido com vermelho. A fêmea é verde-olivácea, mais intensa por cima e um pouco mais clara por baixo, com barriga amarela; pode ser reconhecida pelo olho branco, bem evidente e pelo colorido vivo oliva e amarelo. A íris é branca.

Possui cinco subespécies reconhecidas:

  • Pipra fasciicauda scarlatina (Hellmayr, 1915) – ocorre no Brasil desde o estado do Pará (na área ao sul de Belém) até os estados do Mato Grosso do Sul, Goiás, oeste do estado de Minas Gerais e noroeste do estado de São Paulo, aparentemente existe uma população isolada no nordeste do Brasil, no estado do Ceará. Também ocorre no extremo norte da Bolívia, sudeste do Paraguai e no extremo nordeste da Argentina na província de Missiones.
  • Pipra fasciicauda calamae (Hellmayr, 1910) ocorre na região central e oeste do Brasil próximo no Rio Madeira e no extremo noroeste do estado de Mato Grosso.
  • Pipra fasciicauda purusiana (E. Snethlage, 1907) ocorre na porção tropical do leste do Peru até o sul da região de Cusco e na região adjacente no oeste da Amazônia brasileira, no estado do Acre e na região do alto rio Purus no Amazonas.
  • Pipra fasciicauda fasciicauda (Hellmayr, 1906) ocorre na porção tropical do sudeste do Peru, na região de Puno e no nordeste da Bolívia.
  • Pipra fasciicauda saturata (Zimmer, 1936) ocorre a leste das encostas da Cordilheira dos Andes, no centro do Peru, na região de San Martín e no sul de Loreto.

(IOC World Bird List 2017; Aves Brasil CBRO 2015).

Uirapuru-laranja {field 23}

Comentários:

Frequenta florestas de várzea periodicamente inundadas, florestas de galeria e florestas adjacentes, matas de terra firme e matas secas. O chamado mais frequente é um “ieê” anasalado e descendente. É uma espécie associada a clareiras naturais no interior da floresta, onde é mais abundantemente observada dentro delas, e onde tem correlação entre a abundância de frutos com a abundância de aves frugívoras. A espécie se movimenta entre clareiras naturais no interior da mata para forragear, o que indica um papel importante na dispersão de sementes entre as clareiras em estágio de regeneração.

Uirapuru-laranja {field 25}

Consulta bibliográfica sobre a espécie:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • ITIS – Integrated Taxonomic Information System (2015); Smithsonian Institution; Washington, DC.
  • CLEMENTS, J. F., T. S. Schulenberg, M. J. Iliff, D. Roberson, T. A. Fredericks, B. L. Sullivan, and C. L.. The Clements checklist of Birds of the World: Version 6.9; Cornell: Cornell University Press, 2014.

Referências