Falcão-caburé – (Micrastur ruficollis)

Falcão-caburé

O falcão-caburé Micrastur ruficollis é uma ave da família Falconidae. Conhecido também como gavião-mateiro, gavião-rasteiro, gavião-caburé, taguató-ferrugem, taguató-mateira.

Falcão-caburé {field 25}
  • Nome popular: Falcão-caburé
  • Nome inglês: Barred Forest-Falcon
  • Nome científico: Micrastur ruficollis
  • Família: Falconidae
  • Sub-família: Herpetotherinae
  • Habitat: Ocorre do México à Argentina. Encontrado também em todo o Brasil.
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de grandes besouros e outros insetos, passarinhos, pequenos lagartos, cobras e pequenos mamíferos como marsupiais do gênero Gracilinanus. Eventualmente captura insetos afugentados por formigas-de-correição, inclusive no chão.
  • Reprodução: Reproduz-se construindo o ninho com gravetos em arvores altas. Chocam os ovos entre 33 e 35 dias, e os filhotes nascem 35 a 44 dias depois de chocar. Período reprodutivo é ao final da estação seca.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Falcão-caburé {field 25}

Características:

Mede em média 36 cm de comprimento. Tem o dorso e pescoço marrons, o peito acinzentado com listas pretas.

Tem seis subespécies reconhecidas:

  • Micrastur ruficollis ruficollis (Vieillot, 1816): S do Brasil ao Paraguai e N da Argentina.
  • Micrastur ruficollis concentricus (Lesson, 1830): S Venezuela até as Guianas e Amazônia brasileira.
  • Micrastur ruficollis interstes (Bangs, 1907): Costa Rica e Panamá a O da Colômbia e O do Equador.
  • Micrastur ruficollis zonothorax (Cabanis, 1866): Encostas L dos Andes da Colômbia e Venezuela até a Bolívia.
  • Micrastur ruficollis olrogi (Amadon, 1964): Florestas subtropicais do NO da Argentina.
  • Micrastur ruficollis guerilla (Cassin, 1849): Floristas úmidas do S do México à Nicarágua.
Falcão-caburé {field 25}

Comentários:

Frequenta florestas densas e capoeiras altas. Vive escondido no sub-bosque e no estrato médio, sendo mais ouvido do que observado. Prefere tipos de floresta perturbada e florestas abertas sazonalmente mais secas em afloramentos rochosos, mas em geral é uma ave que evita locais onde haja muito impacto humano. Não é muito visto, porém com base na voz, pode variar parecendo incomum pra localização, ou até bastante comum, para grande parte de seu alcance.

Falcão-caburé {field 5}

Consulta bibliográfica sobre a espécie:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • ITIS – Integrated Taxonomic Information System (2015); Smithsonian Institution; Washington, DC.
  • CLEMENTS, J. F., T. S. Schulenberg, M. J. Iliff, D. Roberson, T. A. Fredericks, B. L. Sullivan, and C. L.. The Clements checklist of Birds of the World: Version 6.9; Cornell: Cornell University Press, 2014.

Referências

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *