Gaivota-maria-velha – (Chroicocephalus maculipennis)

A gaivota-maria-velha Chroicocephalus maculipennis é uma ave da família Laridae. Ocorre somente na América do Sul.

Gaivota-maria-velha {field 11}
  • Nome popular: Gaivota-maria-velha
  • Nome inglês: Brown-hooded Gull
  • Nome científico: Chroicocephalus maculipennis
  • Família: Laridae
  • Sub-família: Larinae
  • Habitat: Ocorre exclusivamente na América do Sul, nos oceanos Pacífico e Atlântico, nas ilhas Falklands, Argentina, Chile, Uruguai e Brasil, do Rio Grande do Sul, onde é muito comum, até Alagoas, onde é bem rara.
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de peixes, mas também procura insetos e suas larvas, aproveitando-se da aragem de terras, nas lavouras.
  • Reprodução: Constrói o ninho na América do Sul meridional, durante o verão. Coloca em média 3 ovos que choca durante 3 ou 4 semanas. Durante a época do acasalamento esta gaivota apresenta um capuz marrom que lhe cobre toda a cabeça. No entanto, é comum observarmos bandos dessa ave pescando juntos e, nos meses em que a época de reprodução está iniciando ou terminando, misturam-se gaivotas de capuz e de cabeça branca.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Gaivota-maria-velha {field 11}

Características:

Mede em média 53 cm de comprimento. O jovem apresenta plumagem diferente do adulto, com as coberteiras manchadas de marrom. O adulto é semelhante à gaivota-de-cabeça-cinza Chroicocephalus cirrocephalus, sendo diferenciado principalmente pela cabeça escura ao invés de cinza e pela íris escura que no adulto de Chroicocephalus cirrocephalus é de coloração amarela. Após o período reprodutivo, apresenta a cara branca maculada de cinza e uma distinta mancha escura nas auriculares.

Gaivota-maria-velha {field 11}

Comentários:

Frequentam banhados, arrozais, estuários, pantanais, brejos, campos recentemente arados, pastagens, lagos e rios.

Gaivota-maria-velha {field 11}

Consulta bibliográfica sobre a espécie:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.

Referências