Tucano-de-bico-verde – (Ramphastos dicolorus)

O tucano-de-bico-verde Ramphastos dicolorus é uma ave da família Ramphastidae. Ocorre no Brasil, Paraguai até o nordeste da Argentina.

tucano-de-bico-verde {field 5}
  • Nome popular: Tucano de bico verde
  • Nome inglês: Red-breasted Toucan
  • Nome científico: Ramphastos dicolorus
  • Família: Ramphastidae
  • Habitat: Ocorre em toda a região Sul e Sudeste do Brasil, e também, no sul de Goiás. Encontrado também no Paraguai e até o nordeste da Argentina. Bastante comum em regiões de serra, onde é avistado em pequenos bandos.
  • Alimentação: Alimenta-se de frutos de palmitos Euterpes edulis, fruto da embaúba ,pitanga, artrópodes e pequenos vertebrados, sendo que com freqüência alimenta-se de filhotes e ovos em ninhos de outras aves.
  • Reprodução: Constrói o ninho em buracos de árvores põe de 2 a 4 ovos, incubados durante 18 dias. Costuma reutilizar os ninhos
  • Estado de conservação:Pouco preocupante
tucano-de-bico-verde {field 5}

Características:

Mede cerca de 48 centímetros, boa parte correspondem ao bico. Pesa em torno de 320 g a 400 g. Apresenta papo amarelo e bico verde. O serrilhado do bico é bem desenvolvido e realçados pela cor vermelha sangüínea. É o único Ramphastos a apresentar um ângulo acentuado na base da mandíbula inferior

tucano-de-bico-verde {field 5}

Comentários:

Vive em áreas florestadas, desde o litoral até as zonas montanhosas, incluindo as florestas de planalto. Habita a copa de florestas altas, principalmente em áreas montanhosas da Mata Atlântica, em seu interior e nas bordas. Era comum ao longo de toda sua área de ocorrência, tendo entretanto se tornado raro em muitas regiões devido à destruição de seu habitat natural.

tucano-de-bico-verde {field 5}

Referências bibliográficas:

  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • Wikiaves – disponível em http://www.wikiaves.com.br/wiki/tucano-de-bico-verde Acesso em 08 Setembro de 2011.

Tucanuçu – (Ramphastos toco)

O Tucano-toco, ou Tucanuçu é uma ave da família Ramphastidae, ocorre em todo o Brasil central e partes da Amazônia. No Cerrado e na Mata Atlântica encontra-se em maior número, podemos observa-los em rápidas visitas a pomares e árvores com frutos. Seu colorido, o formato e tamanho do bico chamam a atenção com facilidade, tornando-os inconfundíveis.
Tucanuçu {field 5}
  • Nome popular: Tucanuçu
  • Nome inglês: Toco Toucan
  • Nome científico: Ramphastos toco
  • Família: Ramphastidae
  • Habitat: De larga distribuição em regiões campestres do interior, da Amazônia (p. ex. Manaus e foz do Amazonas) ao Paraguai, Bolívia e Argentina; não atinge o litoral do Brasil orienta
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de frutas, insetos e artrópodes, mas também costuma saquear ninhos de outras aves e devorar ovos e filhotes.
  • Reprodução: Constrói o ninho em árvores ocas, buracos em barrancos ou em cupinzeiros. Costuma botar de dois a quatro ovos, que são incubados por período de 16 a 18 dias. O macho costuma alimentar a fêmea na época da reprodução.
    ESPÉCIE SEM DIMORFISMO SEXUAL
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Tucanuçu {field 5}
Características:

O Tucano-toco possuir enorme bico alaranjado com uma mancha negra na ponta facilmente identificável. Com plumagem negra, destacando-se o papo o branco, além do crisso manchado de vermelho, mede 56 cm de comprimento e pode pesar 540 g. O bico apesar do tamanho é muito leve devido à estrutura interna onde existem grandes espaços vazios. O tucano usa-o com grande habilidade, apanhando desde pequenas presas até separando pedaços de alimentos maiores. Suas bordas são serrilhadas e a força do tucano corresponde a seu tamanho. Para ingerir o alimento, lança-o para trás e para cima, em direção à garganta, enquanto abre o bico para o alto.

Tucanuçu {field 5}
Comentários:

Vive aos pares ou em bandos de duas dezenas de aves que voam em fila indiana. Voa com o bico reto, em linha com o pescoço, alternando curtas batidas com um planar mais demorado. Ao dormir vira a cabeça e descansa o bico nas costas. Comunica-se com chamados graves, parecendo um pouco o mugido do gado (vindo daí o nome goiano de tucano-boi). Habitam as matas de galeria, cerrado, capões; única espécie da família Ramphastidae que não vive exclusivamente na floresta, sobrevoa freqüentemente os campos abertos e rios largos; gosta de pousar sobre árvores altaneiras. Menos sociável que os outros tucanos. Os ocos também são usados para dormir, quando a grande ave dobra-se de tal forma que diminui o seu tamanho em dois terços. Inicialmente, coloca o bico sobre as costas e, em seguida, cobre-se com a cauda. Essa posição de dormida também é usada quando dorme no meio das folhas da parte superior da copa das árvores.

Tucanuçu {field 5}
Referências bibliográficas:
  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • Wikiaves – disponível em http://www.wikiaves.com.br/wiki/tucanucu Acesso em 08 Setembro de 2010.
  • Wikipédia – disponível em https://pt.wikipedia.org/wiki/Tucano-toco Acesso em Janeiro de 2010

Tucano-de-bico-preto – (Ramphastos vitellinus)

O tucano-de-bico-preto é uma ave da família Ramphastidae. Conhecido também como tucano-de-peito-amarelo e tucano-pacova. As subespécies também podem ser descritas com nomes populares distintos. A subespécie ariel também é descrita como tucano-de-ariel, a citreolaemus como tucano-de-peito-amarelo, e a culminatus como tucano-pequeno-de-papo-branco.

Tucano-de-bico-preto {field 5}
  • Nome popular: Tucano-de-bico-preto
  • Nome inglês: Channel-billed Toucan
  • Nome científico: Ramphastos vitellinus
  • Família: Ramphastidae
  • Habitat: Ocorre desde a Amazônia até Santa Catarina, e em direção oeste até Goiás e Mato Grosso. No Nordeste é restrito aos estados de Pernambuco e Alagoas. Encontrado também nas Guianas, Venezuela e Bolívia.
  • Alimentação: Além de frutos, alimenta-se também de insetos (inclusive cupins, no cupinzeiro e em revoada), aranhas e ovos e filhotes de outras aves.
  • Reprodução: Faz ninho em cavidades de árvores, a cerca de 10 metros do chão. Põe de 2 a 4 ovos e o período de incubação é de 18 dias. A fêmea incuba os ovos sozinha, sendo alimentada pelo macho durante o período.
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Tucano-de-bico-preto {field 5}
Características:

Mede cerca de 45 cm, trem o bico e a região lombar pretos. O Ramphastos vitellinus é subdividido em 3 subespécies, sendo elas: Ramphastos vitellinus ariel Esta subespécie tem como característica morfológica a cor amarelo no bico e vermelho no contorno dos olhos. Ramphastos vitellinus vitellinus Esta subespécie tem como característica morfológica bico preto com faixa basal azul; pele nua em volta dos olhos azul; íris marrom; lado dorsal, barriga e cauda pretos; peito branco com grande mancha central laranja-avermelhada; supra e infracaudais vermelhas. Norte do Brasil no lado norte do Rio Amazonas. Habita floresta Ramphastos vitellinus pintoi Esta subespécie habita o Brasil central (Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás). Apresenta o papo branco e a base da mandíbula amarela.

Tucano-de-bico-preto {field 5}
Comentários:

Comum na copa de florestas úmidas, tanto em seu interior quanto nas bordas, e em capoeiras altas. Vive em bandos de tamanhos variáveis, porém nunca muito grandes. Como os demais tucanos, vários indivíduos dormem juntos.

Tucano-de-bico-preto {field 5}
Referências bibliográficas:
  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec – Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • Wikiaves – disponível em http://www.wikiaves.com.br/wiki/tucano-de-bico-preto Acesso em 08 Maio de 2011.
  • Wikipédia – disponível em https://pt.wikipedia.org/wiki/Tucano-de-bico-preto Acesso em 12 de Abril de 2010