Login

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 
O Tucano-toco, ou Tucanuçu é uma ave da família Ramphastidae, ocorre em todo o Brasil central e partes da Amazônia. No Cerrado e na Mata Atlântica encontra-se em maior número, podemos observa-los em rápidas visitas a pomares e árvores com frutos. Seu colorido, o formato e tamanho do bico chamam a atenção com facilidade, tornando-os inconfundíveis.
  • Nome popular: Tucanuçu (Tucano toco)
  • Nome inglês: Toco Toucan
  • Nome científico: Ramphastos toco
  • Família: Ramphastidae
  • Habitat: De larga distribuição em regiões campestres do interior, da Amazônia (p. ex. Manaus e foz do Amazonas) ao Paraguai, Bolívia e Argentina; não atinge o litoral do Brasil oriental
  • Alimentação: Alimenta-se basicamente de frutas, insetos e artrópodes, mas também costuma saquear ninhos de outras aves e devorar ovos e filhotes.
  • Reprodução: Constrói o ninho em árvores ocas, buracos em barrancos ou em cupinzeiros. Costuma botar de dois a quatro ovos, que são incubados por período de 16 a 18 dias. O macho costuma alimentar a fêmea na época da reprodução.
    ESPÉCIE SEM DIMORFISMO SEXUAL
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Foto – Afonso de Bragança
tucanuçu
Foto – Afonso de Bragança
tucanuçu
Características: O Tucano-toco possuir enorme bico alaranjado com uma mancha negra na ponta facilmente identificável. Com plumagem negra, destacando-se o papo o branco, além do crisso manchado de vermelho, mede 56 cm de comprimento e pode pesar 540 g. O bico apesar do tamanho é muito leve devido à estrutura interna onde existem grandes espaços vazios. O tucano usa-o com grande habilidade, apanhando desde pequenas presas até separando pedaços de alimentos maiores. Suas bordas são serrilhadas e a força do tucano corresponde a seu tamanho. Para ingerir o alimento, lança-o para trás e para cima, em direção à garganta, enquanto abre o bico para o alto.
Comentários: Vive aos pares ou em bandos de duas dezenas de aves que voam em fila indiana. Voa com o bico reto, em linha com o pescoço, alternando curtas batidas com um planar mais demorado. Ao dormir vira a cabeça e descansa o bico nas costas. Comunica-se com chamados graves, parecendo um pouco o mugido do gado (vindo daí o nome goiano de tucano-boi). Habitam as matas de galeria, cerrado, capões; única espécie da família Ramphastidae que não vive exclusivamente na floresta, sobrevoa freqüentemente os campos abertos e rios largos; gosta de pousar sobre árvores altaneiras. Menos sociável que os outros tucanos. Os ocos também são usados para dormir, quando a grande ave dobra-se de tal forma que diminui o seu tamanho em dois terços. Inicialmente, coloca o bico sobre as costas e, em seguida, cobre-se com a cauda. Essa posição de dormida também é usada quando dorme no meio das folhas da parte superior da copa das árvores.
Foto – Afonso de Bragança
tucanuçu
Foto – Afonso de Bragança
tucanuçu
Referências Bibliográficas: Wikiaves - FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec - Ecologia Técnica Ltda. - SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.

Fotos de Tucanuçu

Topo